Como dar entrada no casamento?




Até na hora do casamento existe burocracia! Você que está preparando para se casar ou já ficou noivo, antes de começar os preparativos e a busca por um lugar especial, lua de mel, lembrancinhas e convites, é preciso verificar como dar entrada no casamento civil, reconhecido por lei.

dar-entrada-no-casamento-documentos

Há alguns documentos que necessitam ser separados para que você possa ir ao cartório, com testemunhas e padrinhos, se for o caso, para que o casamento seja validado. Mas, isso não deve ser motivo para dor de cabeça ou preguiça! Afinal, o ato de casar é muito bonito e deve ser respeitado, independente da circunstância. Então, veja agora como você pode dar entrada no casamento!

Dicas importantes

Antes de casar o religioso, é preciso casar no civil. Três meses antes da festa ou da consagração do casamento, se você preferir, você deve agendar o casamento civil no cartório de registro civil mais próximo da sua casa.

Se a sua noiva morar do outro lado da cidade, adivinha! É preciso abrir o registro em ambos os cartórios. Só que, você não pode deixar tudo para última hora, uma vez que todo o processo leva tempo, cerca de 30 dias, dependendo do cartório e disponibilidade.

Tecnicamente tudo que você tem que levar são dois itens: a documentação necessária e testemunhas. Geralmente, os noivos não vão vestidos conforme a data pede, porque o casamento no civil, para muitos, não quer dizer nada antes do casamento no religioso.

Afinal, eles só vão lá no cartório para assinar alguns papéis (mesmo que para outros, apenas esse ato seja o suficiente para casar e serem felizes para sempre, não é mesmo?).

Documentação necessária

Para dar entrada no casamento civil, é recomendado que os noivos passem no cartório com antecedência para verificar se há outros documentos que devem ser levados, além dos tradicionais.

Aliás, é comum ocorrer a falta de algum documento porque a legislação pode ser alterada a qualquer momento. Então vá antes e se informe. Geralmente, os documentos mudam conforme o estado civil dos noivos (se já foram casados, se são divorciados, viúvos e até menores de idade).

  • Certidão de nascimento de ambos os noivos;
  • Documento de Identificação de ambos os noivos;
  • Comprovantes de endereços originais;
  • Testemunhas;

Em caso de menor de idade, ambos os pais dos noivos devem concordar com o casamento, se eles tiverem 16 anos de idade. Já para os divorciados, necessitam levar o documento original do casamento anterior e a comprovação do divórcio. Para os viúvos, precisam do documento de casamento também anterior e o atestado de óbito do falecido.

Cada cartório procuram ser padrões em questão de documentos, entretanto, pode acontecer de quererem outra documentação. O importante é se planejar para evitar atrasos e possíveis rejeições. Então, verifique e mantenha a calma.

Lembrando sempre que o casamento é algo sério, mesmo que para você assinar uma folha a comprovação de estar casado, seja um pouco frágil e insensível demais. Curta o momento a dois e sejam felizes para sempre!

Deixe um comentário